top of page

Harley Davidson lança vídeo com as novas CVO

A Harley Davidson acaba de lançar em seu canal oficial do YouTube um vídeo com as novas CVO Road Glide e CVO Street Glide da coleção Grand American Touring. Como já vimos em imagens divulgadas há alguns dias, as duas motos ganharam sua versão vitaminada com um visual remodelado, carregado de LEDs em suas carenagens.

Para quem não sabe, a sigla CVO, nas motos da Harley Davidson, traduz-se em motos top de linha. A sigla em si quer dizer Custom Vehicle Operations e é o programa criado pela montadora de Milwaukee em 1999 para sua planta de produção de York, Pensilvânia, em que se escolhia alguns dos modelos produzidos em série pela montadora e dava um banho de estética e performance, numa série limitada de motocicletas, trazendo o que há de melhor na marca.


É dentro do programa CVO que nascem também os itens de alta performance da marca com a nomenclatura Screaming Eagle.


Mas, falando das duas novas motocicletas lançadas pela Harley esse ano, não sei o porquê, mas elas me remetem a filmes de clássicos de ficção científica da franquia Tron (obviamente eu prefiro o primeiro, – Tron, uma odisséia eletrônica – de 1982).


Um dos maiores destaques que já salta aos olhos nessas duas novas motos são os detalhes de iluminação nas carenagens, que fazem essas motos brilharem, literalmente, no escuro. Mas, as novas lightcycle da Harley não receberam só uns pisca-piscas para enfeitar. Elas são o que há de melhor em tecnologia e potência (e frescurites) criadas pela montadora.


As carenagens das motos, incluindo o famoso “morcegão” também ganharam uma remodelada, com uma nova silhueta e uma abertura de ar maior sob o pára brisas, segundo eles para melhorar a aerodinâmica (sim! Mexeram no formato do morcegão).

Uma mudança que também já está na cara do piloto é o painel TFT de 12.3” com todas as informações e GPS integrados. Acabaram os ponteiros analógicos e agora é tudo digital e controlável na ponta de seus dedos. Além disso, você ainda pode customizar a carinha do painel para deixar do jeito que você mais gosta, mas não se esqueça de olhar para a pista e não ficar vidrado no novo painel da moto, que está realmente bonito.

Elas também trazem os modos de pilotagem customizáveis, o que havia estreado na Harley com o advento da Pan America, com a diferença que nos modelos estradeiros você não irá encontrar a opção off road, obviamente.


O som é uma verdadeira estupidez! Equipadas com o Rockford Fosgate® Stage II, de 500-watt RMS e quatro canais, isso torna suficiente para ouvir sua canção preferida em alto volume nas estradas.


(Com essas luzes na carenagem e o som alto, algo me faz lembrar de uma certa carreta famosa que circula pelas cidades do Brasil… enfim… deixa pra lá)


As rodas de 19” na dianteira e 18” na traseira ganharam sistema de monitoramento de pressão dos pneus e como podemos ver na imagem, sistema de freios Brembo. E os bagageiros laterais ganharam um aumento na capacidade de volume.

Agora, vamos para as frescurites… digo… itens de conforto. Os bancos das motos são ergonômicos e as manoplas têm sistema de aquecimento. Além disso, os amortecedores traseiros SHOA gaharam 50% a mais de regulagem, aumentando o conforto das motos.


Por fim, vamos falar dos motores, o incrível Milwaukee-Eight® VVT 121, refrigerado a líquido, com 115 HP / 86 kW @ 4500 rpm. Para quem ainda não sabe o que é VVT, essa sigla significa variable valve timing, que permite uma variação no tempo e no curso das válvulas, melhorando a performance e atendendo as legislações ambientais.


É a engenharia que faz arrepiar até o cangote dos puristas que acham que a Harley acabou em 2003 quando os carburadores saíram de linha. E aqui vale uma ressalva: não temos nada contra os puristas e também gostamos do potato potato das Harleys carburadas e da simplicidade de poder fazer a manutenção de sua moto na estrada, você mesmo.


Imagine agora dar um tilt num painel desses num rolê esburacado pelas estradas do Brasil?! É guincho na certa e seu plano de aposentadoria indo pro brejo na concessionária.


Enfim, tirando a pouca irreverência que nos é característica, essas duas novas e caríssimas motos (lá na gringa custam quase 50 mil dólares) já estão disponíveis para quem desejar e talvez tenhamos a sorte de ver uma dessa lightcycle do Tron rasgando nossas estradas à noite.


Assistam o filme de lançamento disponibilizado pelo canal oficial da Harley Davidson no YouTube e tirem suas próprias conclusões.:




75 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page