top of page

Harley Davidson faz uma viagem ao passado

Com o lançamento de sua Electra Glide Revival 2021, a fabricante de Milwaukee faz uma viagem estética a seu passado e traz para os tempos de hoje o design tradicional que foi responsável pelo sucesso da marca e por sua fixação no imaginário dos motoqueiros do mundo todo.


Essa moto nasce na iniciativa Icons Collection que trará uma série de modelos em edição limitada que farão referência às motos mais icônicas da montadora. Nessa coleção de ícones, a fábrica anuncia que irá lançar exemplares exclusivos com produção única. Isto é, toda moto que for lançada sob o selo tributo Icons Collection será produzida só uma vez e não será repetida. Além disso, as motocicletas serão numeradas, como já acontece com os modelos comemorativos de jubileus da marca e o proprietário receberá um certificado de autenticidade.

foto: divulgação

A primeira moto nascida sob o selo é a Electra Glide Revival que terá uma produção de 1500 exemplares em todo o mundo e é inspirada na Electra Glide de 1969, a primeira a vir equipada com o famoso «morcegão». Naquela época, a carenagem característica e os bags laterais eram produzidos somente na cor branca e não acompanhavam a pintura da moto, como acontece nos modelos atuais. O Emblema do tanque e o emblema com a escrita Electra Glide no paralamas dianteiro completam o look retrô da motocona. A moto será fabricada unicamente na cor azul com detalhe em preto fosco no tanque e com as carenagens em branco.


O banco da moto, monoposto e com detalhes em metal, também faz referência aos modelos da época, bem como os pneus com faixa branca saindo da fábrica e a enorme quantidade de cromados em toda motocicleta. O «morcegão» vem equipado com pára-brisas transparente e alto e com entrada de ar, como nos modelos atuais da Ultra.


Outro detalhe marcante desse modelo é que, contrariando as modernidades da marca nos últimos anos, o farol é de lâmpada halógena e não de LED, como nas atuais. E, as demais luzes são incandescentes, contudo, a moto vem equipada com o potente motor Milwaukee-Eight® 114 e, no painel, todas as características dos recentes lançamentos da marca, como GPS e painel com touch screen.


Pra quem quiser reviver um sonho americano do fim dos anos 60, la na terra do Tio Sam terá que desembolsar a bagatela de 30 mil dólares e não temos ainda informações se o modelo irá desembarcar oficialmente em terras tupiniquins. Por hora, vale só admirar à distância.

foto: divulgação




85 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page